Insurrecta de Gonzalo Borondo

Insurrecta de Gonzalo Borondo, em Segóvia

23 de julho, 2020 Off Por Artes & contextos
Modo Noturno

Insurrecta

 

O artista Gonzalo Borondo apresenta INSURRECTA, juntamente com a Câmara Municipal de Segóvia e em colaboração com a Ação Cultural Espanhola (AC/E).

“Insurrecta” comemora o 500º aniversário da revolta comunitária na cidade e presta homenagem aos «Comuneros» de Segóvia, mergulhando na ideia de Revolta.
Um total de 32 peças escolhidas por Borondo foram distribuídas por 17 localizações de acesso gratuito que convertem a paisagem urbana num museu ao ar livre. A localização do projeto é uma rota que inclui todos os outdoors municipais longe do epicentro turístico de Segóvia.

Ao mesmo tempo, o artista mostra aos visitantes um espaço visual da cidade menos conhecido entre os turistas, promovendo os chamados «Não Locais».

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

“Insurrecta” incita ao exercício do pensamento crítico e reflexão através da interação entre as metáforas visuais e a narrativa histórica. O projeto, como um todo, envolve diferentes técnicas. Borondo faz um tributo à intenção informativa de Goya, na sua série de gravuras “Los caprichos” e “Los desastres”, através da técnica do monotipo que usou.

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Os visitantes recebem um mapa das 17 localizações que incluem um relato para cada uma das intervenções, bem como marcando em cada paragem a perspetiva projetada para observação, embora sejam encorajados a encará-la o mais livremente possível. Isto oferece uma total flexibilidade na concepção da rota a ser seguida, e quanto aos meios pelos quais esta será realizada.
Borondo iniciou a sua carreira como muralista em 2007. A sua projeção de arte contemporânea em espaços públicos pretende quebrar bareiras entre a arte e a vida, questionando os limites da herança cultural do contexto, enquanto lhe presta uma respeitosa homenagem. O trabalho de Borondo é o resultado de um poderoso diálogo entre a sua arte e os espaços onde esta está localizada.

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, em Segóvia Artes & contextos 2 CS Insurrecta Borondo photo Roberto Conte XIII

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

Insurrecta de Gonzalo Borondo, em Segóvia Artes & contextos 14 Insurrecta Borondo photo Roberto Conte IX

Insurrecta de Gonzalo Borondo, nos Outdoors de Segóvia

 

O artigo original foi publicado em @StreetArtNews
The original article appeared first @StreetArtNews

Este artigo foi traduzido do original em inglês por Carolina Rocha


Talvez seja do seu interesse: ArtScape 2017 “The White Moose Project”

Por:
Carolina Rocha
Artes & contextos
Últimos artigos de Artes & contextos (exibir todos)
Open Call Artes & contextos