Dr. Ricardo Marreiros - Programador Cultural de eleição - Aljustrel Artes & contextos Dr.Ricardo Barreiros Premio MAC

Dr. Ricardo Marreiros – Programador Cultural de eleição – Aljustrel
0 (0)

28 de abril, 2022 0 Por Álvaro Lobato de Faria
  • 3Minutos de leitura
  • 847Palavras

Dr. Ricardo Marreiros

 

Imagem em destaque: Dr. Ricardo Marreiros recebe das mãos do Dr Àlvaro Lobato de Faria e Dr Zeferino Silva e na presença do também premiado, o Ex Sr Gen Ramalho Eanes, o Prémio MAC – Mérito Cultural


 

A figura do Programador Cultural adquiriu, em Portugal, maior protagonismo, centralidade e definição na década de 1990, e é este imperioso intermediário que assume um papel fundamental enquanto facilitador entre o mundo da produção e o mundo do consumo, os quais, aparentemente conexos, estão tantas vezes apartados, carecendo de uma mediação empática para que o processo de criação artística resulte eficaz, desde a conceção à receção de cada obra de arte.

Depois de uma recente visita às Oficinas de Formação e Animação Cultural de Aljustrel, por ocasião da inauguração da exposição de pintura de Nogueira de Barros, e tendo uma vez mais comprovado o elevado profissionalismo e rigor na organização deste evento, considero ser este o momento oportuno para reiterar o que há já vários anos tenho vindo a afirmar sobre Ricardo Marreiros, profissional exímio que merece o maior destaque no contexto da programação cultural nacional.

Ao longo dos últimos doze anos de contacto e colaboração direta com o Município de Aljustrel, tenho comprovado que o eixo programático desenvolvido no contexto das Artes Plásticas por esta autarquia deriva e evidencia o empenho, o sentido de compromisso e a dedicação de Ricardo Marreiros, cuja experiência profissional representa uma extraordinária mais-valia para qualquer grupo de trabalho, contribuindo em muito para alavancar a credibilidade das Oficinas de Formação e Animação Cultural enquanto cluster cultural de referência.

 

Sala de exposição nas Oficinas de Formação e Animação Cultural de Aljustrel

Sala de exposição nas Oficinas de Formação e Animação Cultural de Aljustrel

 

Dr. Ricardo Marreiros - Programador Cultural de eleição - Aljustrel Artes & contextos 201704e28 190824

Sala de exposição nas Oficinas de Formação e Animação Cultural de Aljustrel

 

Ao nível das competências sociais, o comportamento idóneo de Ricardo Marreiros, extraordinariamente simpático e atento às necessidades dos que o rodeiam, sempre mereceu elogios unânimes por parte de todos os artistas e colaboradores do MAC – Movimento Arte Copntemporânea que com ele têm trabalhado, os quais, repetidamente, enaltecem a sua incrível disponibilidade e polivalência, proatividade e autonomia, e o seu sólido sentido de responsabilidade, a par de uma capacidade de seleção, idealização e produção de projetos expositivos de excelência, assegurando uma plena e fiável execução dos distintos planos de trabalho que se propõe concretizar, e uma harmoniosa comunicação com todos os intervenientes e interlocutores afetos a cada projeto por si conduzido.

Responsável pela organização e dinamização de distintas e relevantes interações e intervenções culturais no concelho de Aljustrel, Ricardo Marreiros tem dado provas de grande sensibilidade, maturidade e literacia artísticas, e esta sua capacitação curricular e pessoal, não só acrescenta valor, rigor e exigência ao panorama artístico de Aljustrel, como o coloca ao nível dos programadores culturais dos mais conceituados centros de arte contemporânea nacionais e internacionais.

É fundamental que tenhamos presente que o sucesso da promoção da arte contemporânea dentro de qualquer instituição de divulgação cultural está dependente de múltiplos critérios, todos eles configurados por uma rede de intervenientes repartida entre artistas e públicos, mas, essencialmente, mediada pela figura incontornável do programador cultural.

Ricardo Marreiros é, acima de tudo, um profissional honesto, íntegro e fiável, de incontestável competência, com uma curiosidade intelectual que o distingue de grande parte dos agentes culturais afetos a tantos outros municípios, manifestamente acomodados e sem espírito crítico.

Dr. Ricardo Marreiros - Programador Cultural de eleição - Aljustrel Artes & contextos Alguns momentos da exposicao em Aljustrel recebidos pelo Sr. Presidente da Camara e respectivas vereadoras e Dr.Ricardo Marreiros 1

Momentos da exposição em Aljustrel, Dr. Álvaro Lobato de Faria e Dr Zeferino Silva, recebidos pelo Sr. Presidente da Câmara e respetiva vereadora e Dr. Ricardo Marreiros

Ajuda-nos a manter o Artes & contextos gratuito, livre e sem publicidade pelo meio dos artigos

 

É urgente a emergência de programadores culturais com o perfil de Ricardo Marreiros, que legitimem a competência das instituições às quais estão afetos. A confiança que os múltiplos agentes culturais – artistas, galeristas, críticos de arte, público – neles depositam, tem implicações diretas no nível de confiança que estes mesmos agentes depositam nas próprias instituições e no posicionamento e credibilidade que estas vão adquirindo na cena artística.

Por estes e por tantos outros motivos que ao longo dos anos não me tenho cansado de enumerar, Ricardo Marreiros é, sem dúvida, um dos melhores parceiros com quem eu e a minha equipa temos tido o prazer de trabalhar e que merece todo o nosso respeito e consideração pessoal e profissional, pelo tanto que eleva o prestígio cultural de Aljustrel, o prestígio cultural nacional e prestígio de uma classe profissional muitas vezes relegada para segundo plano.


0

Como classificas este artigo?

Diretor coordenador do Movimento Arte Contemporânea, professor, faço palestras, conferências, curadorias e crítica de arte em Portugal e no estrangeiro com incidência no mundo lusófono.

Jaime Roriz Advogados Artes & contextos