30 de outubro, 2014 0

Charles Bukowski o “Dirty Old Bastard”

Por Rui Freitas

Charles Bukowski foi um poeta da miséria humana. A indigência, o grotesco, a solidão; o mundo feio, escuro e mal cheiroso alimentaram a sua expressividade e ninguém como ele soube retratá-los e fazer deles a sua inspiração. Dizia que a cidade de Los Angeles era o seu assunto favorito, mas de facto, ainda que na cidade, era das pessoas que falava.

9 de outubro, 2014 0

Museu do Chiado – MNAC

Por Rui Freitas

O visitante de um museu é por momentos um ser privilegiado que respira o ar onde amadurecem os poemas, os romances, os dramas, as memórias, as angústias e as ilusões dos artistas que aí têm as suas obras, arrancadas à História e oferecidas ao mundo.

2 de outubro, 2014 0

Cultura

Por Rui Freitas

A Cultura pode ser observada como um todo e desta forma ser encarada como um conceito abstrato e único, válido…

16 de setembro, 2014 0

N.W.A.

Por Bruno Freitas

N.W.A. (Niggaz Wit Attitudes)       Em 1986, nos Estados Unidos o Hip Hop que se ouvia na rádio…