Categoria: Teatro

29 de abril, 2021 0

Luiza de Jesus – A Assassina da Roda
0 (0)

Por Rui Freitas

Maria Henrique transfigura-se e reconfigura-se vezes sem conta, sob o domínio de Luíza de Jesus que a possui; é a condenada a caminho da forca, enquanto é atenazada (queimada com uma tenaz em brasa), um rosto perdido sem uma expressão identificável, mas não só.

28 de fevereiro, 2018 0

Um Dia uma Vida – de Ruy Belo
0 (0)

Por Rui Freitas

As personagens saem da sombra da noite ou do seu recanto quando o dia é luminoso, com as palavras do poema, para se dirigirem ao infinito, de onde o público os observa. Por vezes as vozes misturam-se ou complementam-se,